Seletor idioma

Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > PPGAS terá sua primeira defesa de tese indígena
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

PPGAS terá sua primeira defesa de tese indígena

  • Publicado: Terça, 26 de Janeiro de 2021, 12h57

É com grande orgulho e alegria que anunciamos a defesa da tese de doutorado do nosso companheiro João Paulo Lima Barreto, Tukano do distrito de Pari-cachoeira, região do Alto Rio Negro, e primeiro indígena a alcançar tal feito no Programa de Pós-graduação em Antropologia Social da UFAM. 

 

Título da tese: Kumuã na kahtiroti-ukuse: uma “teoria” sobre o corpo e o conhecimento-prático dos especialistas indígenas do Alto Rio Negro

Data: 04/02/2021.

Horário: 14h.

Local: A defesa será transmitida pelo Youtube no link: https://www.youtube.com/watch?v=_QH9pmMCxv0

 

 

Esta tese tem como objetivo central explorar a noção de corpo do ponto de vista dos especialistas indígenas do Alto Rio Negro, comumente conhecidos como “pajés”. As bases da investigação sobre o tema são os e os bahsese, o discurso e as experiências dos especialistas na intervenção sobre o corpo. No fundo, o corpo é o ponto de partida para pensar o pensamento e a filosofia rionegrina. O corpo constituído de substâncias vegetais e minerais (terra, água), de fenômenos (ar, calor) e de qualidades de animais. A pessoa é sujeito de ataques de seres waimahsã, dos animais, dos alimentos, dos fenômenos naturais edas substâncias constitutivas que podem resultar no desequilíbrio do corpo. Prevenir contra os ataques, qualificar e equalizar as substâncias do corpo através de produção de cuidados via bahsese e uso de plantas medicinais é a garantia de qualidade da vida. Na filosofia rionegrina, o corpo humano é dinâmico, algo que está sempre em transformação. Essa transformação pode se darpela qualificação via bahsese, pelo uso de sutiro e pelo devir pós-morte. De igual modo, os animais e vegetais são dinâmicos, se transformam e multiplicam. Dessa maneira, o corpo e as coisas do mundo não são algo fixo, mas estão em constante transformação.

registrado em:
Fim do conteúdo da página