Seletor idioma

Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Matrícula
Início do conteúdo da página

Matrícula

Publicado: Quarta, 10 de Junho de 2020, 12h45 | Última atualização em Quarta, 04 de Agosto de 2021, 14h44 | Acessos: 2296

 

QUADRO DE DISCIPLINAS – PPGAS 2021.2

 

HORÁRIO

Segunda-feira

Terça-feira

Quarta-feira

Quinta-Feira

Sexta-feira

 

Manhã

 

 

 

 

Dr. Alfredo Wagner

PGANS562 Tópicos Especiais em Antropologia XVI

Povos tradicionais e conflitos ambientais - 2/30hs

 

 

Dr. Thiago Mota
Dr. Raimundo Nonato
Dr. Sidney Silva

PPGANS504 Teoria Antropológica II – 4/60hs *

 

 

 

Dra. Flávia Melo

PGANS502 Seminário de Projetos de Pesquisa I  - 4/60hs *

 

 

Dr. João Pacheco

PGANS543 - Tópicos Especiais em Antropologia VIII

Etnografia e Experiência Dialógica: uma viagem à bibliografia Tikuna - 4/60hs

 

Dra. Luiza Flores

PPGANS549 Tópicos Especiais em Antropologia X

Antropologia das religiões de matriz africana - 4/60hs

 

 

 

 

 

 

 

 

Reservada para reuniões do PPGAS, DAN, Sextas do Mês e Conselhos

 

Tarde

 

 

 

 

 

 

 

Dr. Sidney Silva

Tópicos Especiais II (M/D)

Antropologia da mobilidade humana  -2/30hs

 

 

Dra. Flávia Melo

PPGANS540 Tópicos Especiais IV

Políticas de fim de mundos: antigênero, conservadorismos, negacionismos e novas direitas - 2/30hs

 

Dra. Deise Lucy

PGANS551 Tópicos Especiais em Antropologia XII

Música e manejos do mundo - 4/60hs

 

Dr. Sergio Ivan

PPGANS536 Tópicos Especiais III

A cidade e o Urbano  -2/30hs

 

Sujeito a mudanças

* Disciplinas obrigatórias dos cursos de Mestrado e Doutorado do PPGAS. Alunos especiais não podem cursar essa disciplina. Casos excepcionais devem ser tratados com a coordenação e secretaria do PPGAS.

 

Início do Semestre Letivo no PPGAS: 09/08/2021

 

OBRIGATÓRIAS

 

Teoria Antropológica II

Ementa:  Mapeamento das produções estruturalistas e pós-estruturalistas, bem como os estudos sobre colonialismo e descolonização, abordagem interpretativista e pós-moderna e antropologia feminista, pós-social e ecológica. Problematização dos grandes divisores (agência e estrutura; natureza e cultura; sujeito e objeto; sociedade e individuo) e do método etnográfico.

 

Seminário de Projetos de Pesquisa I

Ementa:

 

OPTATIVAS

 

Povos tradicionais e conflitos ambientais

Ementa: 

 

Antropologia da mobilidade humana

Ementa: O deslocamento internacional de pessoas é uma realidade cada vez mais presente no mundo contemporâneo, seja na condição de migrante temporário ou permanente, refugiado, exilado, apátrida, entre outros. Nesse contexto, a migração não é apenas um deslocamento de pessoas e grupos no espaço, atravessando fronteiras internacionais; tem sua própria temporalidade e paradoxos, produz mudanças sociais e culturais, novas identidades, conflitos e reivindicação por direitos. Como um “Fato Social Total”, ela afeta as sociedades de origem, recepção ou trânsito, questionando conceitos, como nacionalidade, fronteira, identidade e cultura.

 

Políticas de fim de mundos: antigênero, conservadorismos, negacionismos e novas direitas

Ementa: 

 

Música e manejos do mundo

Ementa: A música é uma linguagem preferencial para comunicação com outros seres, humanos e não humanos, em muitos contextos. Será traçado um panorama de Etnografias clássicas e recentes que têm a música como seu foco, nos estudos ameríndios, principalmente. Abordaremos também outros universos onde a música e outras artes verbais são acionadas para a manutenção da vida e dos recursos, seja em relações de trocas econômicas, como religiosas, xamanísticas, políticas, entre outras.

 

A cidade e o Urbano

Ementa: Teorias da cidade e do urbano. Estudos de comunidade no Brasil. Formas de sociabilidade no contexto urbano. Lugares e espaços públicos na experiência urbana contemporânea. Patrimônio cultural e novas centralidades em meio urbano.

 

Etnografia e Experiência Dialógica: uma viagem à bibliografia Tikuna

Ementa: O objetivo do curso é realizar uma leitura e discussão da bibliografia antropológica sobre a cultura e a história do povo Tikuna. Existem alguns trabalhos clássicos e outros bem recentes que resultaram em produção acadêmica de interesse (como monografias, dissertações e teses) que seriam agora revisitada e discutida com um conjunto de universitários indígenas (em especial Tikunas) que estão atualmente seguindo cursos de pós-graduação em Antropologia, Linguística e Ciências Humanas. A intenção é que tais leituras possam concorrer positivamente para a condução de suas próprias pesquisas, estimulando novas questões, métodos de trabalho, assim como narrativas inovadoras e mais compreensivas.

 

Antropologia das religiões de matriz africana

Ementa: O curso acontecerá a partir de dois princípios norteadores. Primeiro, de caráter formativo, percorreremos os estudos clássicos e contemporâneos de antropologia das religiões de matriz africana no Brasil, abordando temas como possessão, ritual, cosmologias e sincretismos. Abordaremos o trabalho de Nina Rodrigues, as contribuições da escola culturalista norte-americana, as elaborações etnográficas e sociológicas de Roger Bastide, as abordagens sociopolíticas iniciadas nos anos 80 e perspectivas contemporâneas. O intuito é compreender os principais problemas criados por esses estudos e suas relações de diálogo, herança e contraposição. Segundo, de caráter experimental, leremos etnografias recentes sobre o tema, com foco no contexto amazônico. Inicialmente, os objetivos são 1) realizar um mapeamento bibliográfico sobre o tema na região à luz de discussões teóricas recentes; 2) refletir sobre os modos de contar boas histórias, através da etnografia, atentando para as relações entre o que aprendemos com o campo e o que aprendemos com a Antropologia. As reflexões sobre essas leituras serão orientadas pela hesitação sobre as certezas das nossas próprias categorias de definição do mundo, enquanto antropólogas e antropólogos, na relação com outros modos de existência, atentando para a multiplicidade intrínseca e constituinte das religiões de matriz africana, que elaboram através de corpos e territórios uma “cosmopolítica afro-brasileira” (José Carlos dos Anjos), e para a possibilidade de construir um pensamento em presença daqueles, humanos e não-humanos, que são contínua e violentamente excluídos da política moderna.

  

MATRÍCULA EM DISCIPLINAS - ALUNO(A) REGULAR (PPGAS e outros PPGs da UFAM)

 

Período: 02/08 à 06/08/2021


Procedimento de matrícula para alunos(as) regulares:

1 - Acessar a plataforma e-campus (portal da UFAM) com dados pessoais. Inserir número de CPF e senha;

2 - No módulo Aluno(a) acessar o menu "Matrícula". Selecione as disciplinas desejadas e efetue a solicitação;

3 - Alunos regulares de outros PPGs, após solicitarem matrícula no portal e-Campus devem entrar em contato  com a secretaria do PPGAS pelo email Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.;

 

MATRÍCULA EM DISCIPLINAS - ALUNO(A/ES) ESPECIAL

 

Período: 26/07 à 30/07/2021

 

Procedimento de matrícula para alunos(as) especiais:

1 - Fazer download do formulário Matrícula Aluno/a/es Especial;

2 - Preencher um formulário para cada disciplina optativa/tópicos especiais em que deseja solicitar matrícula;

3 - Anexar cópias do diploma de graduação e RG, CNH ou outro documento de identificação com foto, para cada pedido de matrícula (inscrição sem o envio da referida documentação será desconsiderada).

4 - Entregar o formulário, assinado no e-mail da Secretaria do PPGAS (Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., com cópia para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.).

5 – O envio do formulário de inscrição não garante a matrícula. As vagas são limitadas e haverá aprovação da inscrição pelo professor da disciplina.

6 - Se o/a/e candidato/a/e for selecionado/a/e, o PPGAS/UFAM entrará em contato para efetivar a matrícula como Aluno/a/e Especial.

  

HORÁRIO DE ATENDIMENTO PARA MATRÍCULA

 

De segunda à sexta, de  9:00 às 13:00h.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página